Presidente do Banco Central defende reforma da Previdência

05/12/2018, 16h36 - ATUALIZADO EM 05/12/2018, 16h48

Em audiência na Comissão de Assuntos Econômicos (CAE), o presidente do Banco Central, Ilan Goldfajn, disse que o Brasil tem mecanismos para enfrentar as crises econômica e política. Ele destacou a inflação e a taxa de juros baixas e as reservas cambiais. Ele admitiu que a recuperação da economia tem sido lenta, mas é consistente. Ilan Goldfajn também defendeu a reforma da Previdência (PEC 287/2016) como forma de gerar investimentos e retomar o crescimento. O presidente da CAE, senador Tasso Jereissati (PSDB-CE), concordou, afirmando que a retomada do crescimento precisa de reformas estruturantes a serem aprovadas pelo Congresso Nacional.

Ouça mais detalhes no áudio da repórter da Rádio Senado, Hérica Chrisitan.



Opções: Download