Candidatos já gastaram R$ 17 milhões com a campanha virtual nas redes sociais, informa o TSE

21/09/2018, 17h13 - ATUALIZADO EM 25/09/2018, 17h04

Selo_Eleições_2018Dados parciais do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) mostram que os candidatos às eleições de outubro já gastaram R$ 17 milhões com a campanha virtual. Para o professor de Pesquisa e Marketing Eleitoral da ESPM, Victor Trujillo, estas eleições se caracterizam uma militância virtual, já que o eleitor compartilha o material recebido por conta própria. Ele apontou o estímulo ao debate pelas redes sociais uma vez que as pessoas manifestam opiniões contrárias e favoráveis aos candidatos e programas. O especialista citou ainda que a internet ajuda, sobretudo, os candidatos que não têm tempo de rádio e TV. O professor Victor Trujillo conversou com a repórter Hérica Christian da Rádio Senado.

Ouça o áudio com a entrevista.



Opções: Download