Proposta incentiva produção mais eficiente e sustentável de peixes no Brasil

06/02/2018, 18h18

Um projeto de lei em tramitação no Senado estimula o uso da aquaponia, um sistema de cultivo que une a criação de peixes com a produção de plantas pelo sistema de hidroponia. O PLS 162/2015, de autoria do senador Benedito de Lira (PP-AL), está pronto para ser votado pela Comissão de Meio Ambiente (CMA). Ele prevê benefícios à aquaponia como prioridade de concessão e renovação de outorga de uso de recursos hídricos, isenção de impostos e crédito rural com juros diferenciados.

O senador Dário Berger (PMDB-SC) foi o relator do projeto na Comissão de Agricultura e Reforma Agrária (CRA). Ele considera a grande vantagem da aquaponia, a possibilidade de reciclar “os recursos hídricos usados na criação de peixe disponíveis em lagoas, açudes, barragens, poços artesianos, rios, canais ou mesmo no lençol freático”. O excremento produzido pelos peixes é rico em nutrientes que alimentam as plantas que por sua vez filtram a água para o peixe. A reportagem é de Floriano Filho, da Rádio Senado.



Opções: Download