Fundo Nacional da Segurança Pública não poderá ser bloqueado pelo governo, diz Capiberibe

15/12/2017, 16h05

O Plenário do Senado aprovou nesta semana proposta de emenda à Constituição que cria o Fundo Nacional de Desenvolvimento da Segurança Pública (PEC 24/2012). Os recursos serão usados pelos estados na compra de viaturas, na construção de delegacias, no treinamento das polícias e no reajuste salarial da categoria. Em entrevista ao Senado em Revista, o autor da proposta, senador João Capiberibe (PSB-AP) disse que o fundo será abastecido com parte do IPI e do ICMS pagos pela indústria de armas e não poderá ter a verba bloqueada pelo governo federal. Saiba mais na reportagem de Hérica Christian, da Rádio Senado.



Opções: Download