Diretor afirma que ANTT multou empresa por não duplicar rodovia capixaba

31/10/2017, 13h43 - ATUALIZADO EM 31/10/2017, 13h45

A Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT) multou a concessionária Eco101 e está negociando uma saída para a duplicação da BR-101 no Espírito Santo. É o que garantiu o diretor da agência, Jorge Bastos, que participou de audiência pública nesta terça-feira (31) Comissão de Serviços de Infraestrutura (CI) para explicar a quebra de contrato pela empresa. Segundo o senador Ricardo Ferraço (PSDB-ES), autor do requerimento para a audiência, nos cinco anos de concessão, nenhum quilômetro foi duplicado. Para o senador, a quebra de contrato frustrou as expectativas da população, que contava com a obra para ajudar a evitar acidentes naquele trecho. Ouça os detalhes no áudio da repórter da Rádio Senado, Iara Farias Borges.



Opções: Download