Inflação deve voltar à meta de 4,5% em 2017, diz presidente do BC

04/10/2016, 14h24 - ATUALIZADO EM 01/12/2016, 13h09

A inflação deve voltar à meta de 4,5% ao ano em 2017. A previsão foi feita na Comissão de Assuntos Econômicos pelo presidente do Banco Central, Ilan Goldfajn. O presidente defendeu a autonomia do Banco Central e a aprovação de reformas para permitir a retomada da confiança e do crescimento da economia.

Os senadores da oposição discordaram da avaliação e cobraram uma redução mais acentuada dos juros. Para a senadora Vanessa Grazziotin (PCdoB–AM), as reformas em debate no Congresso podem agravar a crise econômica. Já o senador Flexa Ribeiro (PSDB–PA)  elogiou a recente atuação do Banco Central para superar a crise e disse que os juros só devem cair quando o país tiver as condições possíveis.

Reportagem de George Cardim, da Rádio Senado.



Opções: Download


Senado Agora
13h48 Sabatina de indicado ao STF: Comissão de Constituição e Justiça retoma sabatina de Kassio Marques, indicado para o Supremo Tribunal Federal. A reunião havia sido suspensa por 30 minutos para almoço.
13h13 Intervalo na Sabatina para o STF: Foi suspensa para o almoço a sabatina na Comissão de Constituição e Justiça de Kassio Marques, indicado para o Supremo Tribunal Federal. A reunião da CCJ deve ser retomada em 30 minutos.
Ver todas ›