Proposta endurece pena para furto e receptação de animais de abate

04/07/2016, 15h46 - ATUALIZADO EM 04/07/2016, 15h48

A Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania (CCJ) analisa um projeto de lei (PLC 128/2015) que altera o Código Penal para aumentar a punição para quem furta ou recebe animais de produção, como bois, porcos, cabras, ovelhas e aves, vivos ou abatidos. O projeto estabelece uma pena de dois a cinco anos de prisão, além de multa. O relator da proposta, senador Aécio Neves (PSDB-MG), destaca que a atividade ilegal tem efeitos negativos para a economia e também para a saúde da população. Confira reportagem de Roberto Fragoso, da Rádio Senado.



Opções: Download


MAIS NOTÍCIAS SOBRE: