Qualidade dos equipamentos usados por policiais será tema de audiência na CDH

Da Redação | 19/02/2016, 12h27 - ATUALIZADO EM 19/02/2016, 13h44

A precariedade dos equipamentos usados pelas polícias no Brasil levou a Comissão de Direitos Humanos e Legislação Participativa (CDH) a agendar uma audiência pública para debater o assunto. A reunião está marcada para segunda-feira (22), às 9h.

A iniciativa partiu do senador José Medeiros (PPS-MT), que pretende discutir a regulamentação dos materiais empregados nos dispositivos; a necessidade de se aprimorar o controle de qualidade e confiabilidade dos produtos; e aspectos relativos à proteção da indústria nacional e à abertura ao mercado externo.

"Recentemente, no interior de Alagoas, um policial rodoviário federal morreu porque um simples disparo de revólver calibre 38 transfixou o colete usado por ele. Essa é mais uma trágica consequência da precariedade dos equipamentos de que dispõem os policiais brasileiros no combate à criminalidade", observou o parlamentar no requerimento em que pediu a audiência.

Foram convidados representantes do Comando Logístico do Exército, da Polícia Federal, da Polícia Rodoviária Federal, da Polícia Militar do Mato Grosso, da Polícia Civil do Espírito Santo, da Federação Nacional dos Policiais Rodoviários Federais e da Associação Brasileira das Indústrias de Materiais de Defesa e Segurança.


COMO ACOMPANHAR E PARTICIPAR

Participe:
http://bit.ly/audienciainterativa
Portal e-Cidadania:
www.senado.gov.br/ecidadania
Alô Senado (0800-612211)

Agência Senado (Reprodução autorizada mediante citação da Agência Senado)

Senado Agora
16h43 Sabatina de Moraes: Benedito de Lira é o décimo senador a fazer perguntas a Alexandre de Moraes. A reunião dura quase sete horas e há 22 parlamentares inscritos para falar.
16h30 Sabatina de Moraes: reunião da CCJ é retomada com perguntas da senadora Marta Suplicy ao ex-ministro.
16h15 Sabatina de Moraes: O presidente da CCJ, Edison Lobão, suspendeu por dez minutos a sabatina do ex-ministro. No retorno, os senadores seguem fazendo perguntas ao indicado.
Ver todas ›