Brasil plural: para falar de intolerância


Uma frase que gosta: “Lute com determinação, abrace a vida com paixão, perca com classe e vença com ousadia, porque o mundo pertence a quem se atreve e a vida é muito bela para ser insignificante.” Charles Chaplin

 

Meu perfil...

Acsa Mendes conquistou de uma só vez duas grandes vitórias em 2016, a vaga de Jovem Senadora do Estado de Pernambuco e a classificação de sua redação como o terceiro melhor texto da etapa nacional do projeto. Para o futuro, seu projeto começa com a conclusão do Ensino Médio e a aprovação em uma Universidade Pública para o curso de Medicina.

Sobre a participação política dos jovens na sociedade, acredita que precisa ser mais efetiva: “Os jovens devem, primeiramente, ter acesso ao conhecimento político. Este deve ser disponibilizado tanto pelo Governo quanto deve ser buscado pelos próprios jovens, que devem sempre contar com o incentivo e apoio de seus professores. Além disso, é necessário que haja uma organização desse grupo para possam promover ações expressivas que façam com que sua voz seja ouvida e considerada”.

Sua figura pública de destaque é Martin Luther King. “Foi um grande exemplo de superação e altruísmo. Ele teve ousadia suficiente para lutar pelo que acreditava e, assim, conseguiu mudar a vida de milhões de pessoas”.

Em suas horas livres, Acsa costuma ler, assistir filmes e séries e praticar alguma atividade física. Ela gosta de basquete e já participou, inclusive, dos Jogos Escolares de Macaparana. Seu livro favorito é “Nunca desista de seus sonhos”, de Augusto Cury. Os gêneros musicais preferidos são bem distintos: Pop Internacional, gospel, MPB e música clássica.

Ao conhecer o Projeto pelo seu professor de português, Daniel Ferreira de Lima, Acsa decidiu participar do Jovem Senador pelo interesse de poder vir a Brasília, discutir temas de relevância para o país e buscar soluções. Foi a primeira vez que seu colégio participou da iniciativa e a notícia foi celebrada por todos da família, amigos e professores. “Meu pai ficou especialmente feliz, pois sabia do meu desejo de ser classificada no concurso e me incentivou bastante”. “Sabia que tinha feito um bom trabalho, mas também que minha redação estava competindo com muitas outras. Então, quando recebi a ligação que me informou do resultado fiquei extremamente feliz. Fui imediatamente procurar meu professor orientador Daniel para dar a notícia da nossa conquista”.

Escola de Referência em Ensino Médio Professora Benedita de Morais Guerra
Professor orientador:
Daniel Ferreira de Lima
Senado Federal - Praça dos Três Poderes - Brasília DF - CEP 70165-900 | Telefone: 0800 61 22 11