Comissão Especial do Impeachment começa a funcionar nesta terça-feira — Rádio Senado
Impeachment

Comissão Especial do Impeachment começa a funcionar nesta terça-feira

25/04/2016, 21h51 - ATUALIZADO EM 25/04/2016, 21h51
Duração de áudio: 02:01
Plenário do Senado durante sessão deliberativa ordinária.
Jonas Pereira/Agência Senado

Transcrição
LOC: A COMISSÃO ESPECIAL DO IMPEACHMENT COMEÇA A FUNCIONAR NESTA TERÇA-FEIRA COM A ELEIÇÃO DO PRESIDENTE E DO RELATOR DO COLEGIADO. LOC: O PT INSISTE NA TROCA DA INDICAÇÃO DO SENADOR ANTONIO ANASTASIA DO PSDB MINEIRO POR SER FAVORÁVEL AO PROCESSO CONTRA A PRESIDENTE DILMA ROUSSEFF. AS INFORMAÇÕES COM A REPÓRTER HÉRICA CHRISTIAN. (Repórter) Por unanimidade, o Plenário do Senado aprovou o nome dos 21 titulares e dos 21 suplentes da Comissão Especial do Impeachment. A primeira reunião do colegiado está marcada para esta terça-feira quando serão eleitos o presidente e o relator. O PMDB, maior partido, indicou o senador Raimundo Lira, da Paraíba, para comandar os trabalhos. A oposição, segundo maior bloco, apresentou o nome do senador Antonio Anastasia, do PSDB mineiro. Mas o PT questionou a isenção de Anastasia por ser do partido com interesse numa eventual perda de mandato da presidente Dilma. O líder do governo no Senado, Humberto Costa, do PT de Pernambuco, defendeu um acordo de líderes para a indicação de um relator neutro. Ele não descarta recorrer à justiça contra o nome do PSDB por ser parte do processo. (Humberto Costa)Isso inclusive pode macular de alguma forma o processo como um todo. Nós do PT temos uma bancada do mesmo tamanho do PSDB e não estamos fazendo questão de que o relator seja nosso. apesar de gostarmos muito do senador Anastasia entendemos que esta parcialidade não pode ter pela questão partidária. (Repórter) Já o líder do PSDB, senador Cássio Cunha Lima, da Paraíba, reafirmou a indicação de Anastasia. (Cássio Cunha Lima) Não há impedimento legal. Não há vedação regimental para que o senador possa exercer a relatoria. É um homem preparado, formado em direito, constitucionalista, equilibrado, que tem bom senso, tem temperança (Repórter) O presidente do Senado, Renan Calheiros do PMDB de Alagoas, declarou que a palavra final será da própria Comissão. (Renan Calheiros) Uma vez eleita a Comissão Especial, competirá apenas a ela eleger o seu presidente, relator e mesmo responder a esta ou qualquer outra questão de ordem que diga respeito ao seu funcionamento (Repórter) Apesar das indicações, tanto o presidente quanto o relator precisam ser eleitos pela Comissão Especial.

Ao Vivo

Não é usuário? Cadastre-se.

Ao vivo
00:0000:00