Marcio Bittar (MDB)

Da Redação | 18/01/2019, 17h56 - ATUALIZADO EM 06/02/2019, 17h44

Marcio Miguel Bittar tem 55 anos, é agropecuarista e nasceu em Franca (SP).

Trajetória política: começou na carreira em 1981 como secretário-geral da Juventude do PMDB, tendo militado, como estudante, no antigo PCB. Foi eleito deputado estadual em 1994 e deputado federal em 1998. Em 2002, candidatou-se a uma vaga no Senado, mas terminou em terceiro lugar. Em 2004, disputou a prefeitura de Rio Branco, mas não se elegeu. Conquistou seu segundo mandato de deputado federal em 2010, com a maior votação da história do Acre. Em 2006, disputou o governo do estado, porém ficou em segundo lugar, com 35,12% dos votos.

Eleição/atuação: na disputa para o Senado, Marcio Bittar ficou em segundo lugar, com 23,28% dos votos. Apresentou-se como oposição ao PT, que governou o Acre por 20 anos. Na Câmara dos Deputados, ocupou o cargo de primeiro-secretário e foi titular da Comissão de Integração Nacional, Desenvolvimento Regional e da Amazônia e da Comissão de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável.

Suplentes: Eduardo Velloso (PR) e José Eugênio de Leão Braga (MDB).

Agência Senado (Reprodução autorizada mediante citação da Agência Senado)

MAIS NOTÍCIAS SOBRE:
Acre Senado