Kátia Abreu (PDT)

Da Redação | 18/01/2019, 17h03

Kátia Regina Abreu nasceu em Goiânia, é formada em psicologia e tornou-se pecuarista quando assumiu, aos 25 anos, a fazenda do marido, morto em acidente de avião.

Trajetória política: Em 1998, Kátia Abreu disputou uma cadeira na Câmara dos Deputados, ficando como primeira suplente. Assumiu a vaga duas vezes. Em 2002, foi a mais votada no estado nas eleições para deputada. Em 2006, venceu a eleição para o Senado, sendo reeleita em 2014. Foi presidente da Federação da Agricultura e Pecuária de Tocantins e da Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA), por três mandatos.

Eleição/atuação: Primeira mulher eleita senadora por Tocantins, em 2014, atua sobretudo em defesa da agropecuária e da diminuição de impostos. Licenciou-se para ocupar o Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento no segundo governo de Dilma Rousseff. Também tirou licença no final de 2018, quando foi candidata a vice-presidente na chapa de Ciro Gomes (PDT).

Suplentes: Donizete Nogueira (PT) e Guaracy Silveira (PSL).

Agência Senado (Reprodução autorizada mediante citação da Agência Senado)

MAIS NOTÍCIAS SOBRE:
Senado Tocantins