Jaques Wagner (PT)

Da Redação | 18/01/2019, 17h57 - ATUALIZADO EM 01/02/2019, 15h56

Jaques Wagner nasceu no Rio de Janeiro, em 1951, mas construiu sua carreira política em Salvador. Foi do diretório acadêmico da Faculdade de Engenharia Civil da PUC-RJ, mas em razão de sua militância política teve que abandonar o curso durante o regime militar.

Trajetória política: foi diretor e presidente do Sindicato dos Trabalhadores da Indústria Petroquímica da Bahia e um dos fundadores do PT e da CUT no estado, em 1980. De 1990 a 1998, foi deputado federal. No primeiro governo do ex-presidente Lula, foi nomeado ministro do Trabalho. Em 2005, assumiu o cargo de ministro das Relações Institucionais. Wagner foi eleito governador da Bahia em 2006, reelegendo-se para mais quatro anos no pleito seguinte. Em 2015, no segundo de governo Dilma Rousseff, foi ministro da Defesa e da Casa Civil. Deixou o governo no início de 2016, quando a presidente foi afastada do cargo por impeachment.

Eleição/atuação: recebeu 35,7% dos votos e afirmou que atuará no combate às desigualdades e por uma sociedade mais justa, solidária e fraterna.

Suplentes: Adalberto Souza Galvão (PSB) e Luciana Leão Muniz (PR).

Agência Senado (Reprodução autorizada mediante citação da Agência Senado)

MAIS NOTÍCIAS SOBRE:
Bahia Senado

Senado Agora
18h09 Uso do solo brasileiro: Comissão de Meio Ambiente (CMA) aprova requerimento para a realização de audiência pública sobre as políticas para o melhor uso do solo brasileiro.
18h03 Biomas brasileiros: A Comissão de Meio Ambiente (CMA) aprovou requerimento para realização de debate sobre a conservação dos biomas brasileiros.
18h01 Desenvolvimento e meio ambiente: A Comissão de Meio Ambiente aprovou o Requerimento 18/2019, sobre audiência pública para discutir a visão das novas gerações sobre o desenvolvimento e meio ambiente.
Ver todas ›