Ângela Portela cobra ajuda federal para Roraima lidar com a crise migratória

Da Redação e Da Rádio Senado | 07/08/2018, 16h10 - ATUALIZADO EM 07/08/2018, 20h07

A senadora Ângela Portela (PDT-RO) acusou o governo federal de não ajudar os roraimenses na crise provocada pela entrada de milhares de imigrantes venezuelanos. Ela comentou o fechamento, por breve período, da fronteira entre o seu estado e a Venezuela, por ordem judicial. A senadora destacou que a governadora Suely Campos vem cobrando medidas concretas há mais de um ano, mas muito pouco foi feito pela administração do presidente Michel Temer.

Ângela Portela também defendeu que a Boa Vista Energia, distribuidora pertencente ao sistema Eletrobras, não seja privatizada, pois, na avaliação dela, isso só prejudicará os consumidores.

— O prejuízo vai sair do bolso do contribuinte. O lucro, se houver, vai ficar com quem comprar a Boa Vista Energia. Sabemos também o que representará a venda da empresa: demissão de servidores, falta de investimentos, principalmente nos municípios do interior de Roraima e, obviamente, uma conta de luz mais cara. Representa também dificuldade para a construção do linhão de Tucuruí, que é um projeto estratégico para Roraima — disse a senadora.

Agência Senado (Reprodução autorizada mediante citação da Agência Senado)