Comissão de Infraestrutura promove audiência para debater sistema logístico brasileiro

Da Redação | 22/06/2018, 18h21 - ATUALIZADO EM 25/06/2018, 20h53

A Comissão de Serviços de Infraestrutura (CI) vai promover uma audiência pública na próxima terça-feira (26), às 9h, para debater o sistema logístico brasileiro. O objetivo é conhecer os programas, ações e investimentos realizados para diversificar os modais de transporte no país.

Para a audiência estão convidados o diretor do Departamento de Infraestrutura de Logística do Ministério do Planejamento, Otto Luiz Burlier da Silveira Filho, e o diretor do Departamento de Gestão Estratégica e Informação do Ministério dos Transportes, Portos e Aviação Civil, Rodrigo Otávio Moreira da Cruz.

O gerente jurídico da Associação Nacional dos Transportadores Ferroviários, Regis Anderson Dudena, e o diretor de Estudos e Políticas Setoriais de Inovação e Infraestrutura do Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea), Fabiano Mezadre Pompermayer, completam a lista de debatedores.

Sugestão do senador Lasier Martins (PSD-RS), a audiência será realizada em caráter interativo, com a possibilidade de participação popular. Dúvidas, críticas e sugestões poderão ser enviadas por meio do portal e-Cidadania ou pelo telefone do Alô Senado (0800 612211).

COMO ACOMPANHAR E PARTICIPAR

Participe:
http://bit.ly/audienciainterativa
Portal e-Cidadania:
www.senado.gov.br/ecidadania
Alô Senado (0800-612211)

Agência Senado (Reprodução autorizada mediante citação da Agência Senado)

Senado Agora
12h39 Partilha do pré-sal: A Comissão de Assuntos Econômicos aprovou o projeto que define as novas regras para partilha da arrecadação com o leilão de petróleo do pré-sal. O PL 5.478/2019 vai ao Plenário com urgência.
12h07 Capital Nacional dos Atiradores : A Comissão de Educação aprovou o Projeto de Lei 4.674/2019, que nomeia Jaraguá do Sul (SC) como a Capital Nacional dos Atiradores. A matéria segue para o Plenário.
12h01 Dedução no imposto de renda: Comissão de Educação aprovou o Projeto de Lei 5.103/2019 que prorroga até 2024 a dedução no IR de valor investido em obra audiovisual. A matéria segue para a CAE.
Ver todas ›