Comissão mista analisa nesta terça a MP da intervenção no Rio

Da Redação | 18/05/2018, 15h35 - ATUALIZADO EM 22/05/2018, 14h12

A comissão especial que analisa a Medida Provisória (MP) 826/2018 analisa nesta terça-feira (22), a partir das 15h30, o relatório da deputada Laura Carneiro (DEM-RJ). A medida, editada pelo Poder Executivo em abril, criou o cargo de interventor e 66 assessores para o gabinete de intervenção federal no Rio de Janeiro.

De acordo com a MP, os cargos serão extintos em 30 de abril e 30 de junho de 2019. Segundo o Poder Executivo, a medida tem um impacto orçamentário estimado em R$ 7 milhões em 2018 e R$ 3,8 milhões em 2019.

O presidente da comissão especial é o senador Valdir Raupp (PMDB-RO). Ao instalar a comissão mista, os parlamentares prometeram uma aprovação rápida da matéria.

Agência Senado (Reprodução autorizada mediante citação da Agência Senado)

Senado Agora
19h10 Empréstimos externos: Os senadores aprovaram o PRS 16/2021, que autoriza aditamentos contratuais a operações de crédito externo da União, dos estados, do Distrito Federal e dos municípios. Texto vai a promulgação.
18h38 Empréstimos externos: Os senadores aprovaram o texto principal do projeto que autoriza aditamentos contratuais a operações de crédito externo da União, dos estados, do Distrito Federal e dos municípios (PRS 16/2021). Seguem votando destaque de emenda.
18h22 Jornalistas microempreendedores: Após aprovação do texto principal, o PLP 30/2021 foi retirado de pauta para que sejam analisados pedidos de destaques à proposta. O PLP permite aos jornalistas se tornarem microempreendedores individuais.
Ver todas ›