Semana de conscientização sobre alergias alimentares será debatida em audiência

Da Redação | 11/05/2018, 18h15 - ATUALIZADO EM 14/05/2018, 11h59

A possibilidade de criação da Semana Nacional de Conscientização sobre a Alergia Alimentar será discutida em audiência pública da Comissão de Assuntos Sociais (CAS) nesta terça-feira (15).

O  debate foi sugerido pela senadora Maria do Carmo Alves (DEM-SE). Segundo ela, esta é uma medida que não traz custos ao Estado e que proporcionará um ambiente adequado à promoção de seminários, ciclos de debates, rodas de conversa, palestras e outros eventos relacionados ao tema, algo que resultará em maior visibilidade para a questão.

“Quanto mais informação a população brasileira tiver sobre a alergia alimentar, maior e melhor será o acolhimento de quem já convive com o problema”, explica a senadora no requerimento pedindo a realização da audiência.

As alergias alimentares são doenças caracterizadas por manifestação do sistema imunológico após a ingestão ou contato com certos alimentos. O Consenso Brasileiro sobre Alergia Alimentar de 2018 indicou que os dados sobre prevalência de alergia alimentar no Brasil são escassos e limitados a grupos populacionais. Contudo, esse tipo de alergia já pode ser considerado um problema de saúde pública, pois a sua prevalência tem aumentado em todo o mundo.

Para participar do debate foram convidadas as especialistas Renata Pinotti, mestra em Nutrição Humana Aplicada, e Érika Campos Gomes, mestra em Psicologia Clínica. Também devem comparecer à audiência representantes da Associação Brasileira de Alergia e Imunologia (ASBAI) e do Movimento Põe no Rótulo, que reivindica a rotulagem adequada de produtos alimentícios.

A audiência ocorrerá na sala 6 da Ala Senador Nilo Coelho, a partir das 14h. A audiência será realizada em caráter interativo, com possibilidade de participação popular pelo Portal e-Cidadania e pelo Alô Senado (0800-612211).

COMO ACOMPANHAR E PARTICIPAR

Participe:
http://bit.ly/audienciainterativa
Portal e-Cidadania:
www.senado.gov.br/ecidadania
Alô Senado (0800-612211)

Agência Senado (Reprodução autorizada mediante citação da Agência Senado)

Senado Agora
13h08 Cota para mulheres na política: Senadores da CCJ rejeitaram o projeto que revoga os percentuais mínimo e máximo de candidaturas de cada sexo a serem registradas pelo partido ou coligação (PL 1.256/2019). O parecer vai para o Plenário.
12h14 Mulheres marisqueiras: A Comissão de Reforma Agrária (CRA) aprovou projeto de lei da Câmara (PLC 47/2017) que institui política de desenvolvimento para mulheres marisqueiras. A matéria segue para o Plenário do Senado.
12h03 Cotas para agricultor familiar: A Comissão de Reforma Agrária (CRA) aprovou projeto de lei que cria cota de ao menos 10% para agricultores familiares nos institutos federais de educação. O PL 778/2019 segue para a Comissão de Educação.
Ver todas ›