Telmário Mota relata dificuldades no Cadastro Ambiental Rural em Roraima

Da Redação e Da Rádio Senado | 05/12/2017, 15h12 - ATUALIZADO EM 05/12/2017, 15h15

O senador Telmário Mota (PTB-RR) classificou como "maldade" o prazo dado pelo governo de Roraima para que produtores do estado se regularizem junto ao Cadastro Ambiental Rural (CAR). A data limite para cadastramento é 31 de dezembro de 2017.

Telmário disse que, além do tempo curto para o atendimento a esses produtores, o governo de Roraima e a oposição estão dificultando a assinatura de termo técnico para uma ação conjunta entre o Incra e a Fundação Estadual de Meio Ambiente e Recursos Hídricos (Femarh). E essa “guerra de braços”, segundo o senador, só atrasa o cadastramento, prejudicando cerca de 30 mil famílias.

— É um crime, é um crime. As facções sempre, quando brigam, quem paga é a população. No estado de Roraima tá acontecendo isso dentro do poder — protestou.

Agência Senado (Reprodução autorizada mediante citação da Agência Senado)