Wellington Fagundes informa que bancada matogrossense reservou recursos para a área de saúde

Da Redação e Da Rádio Senado | 09/11/2017, 15h43 - ATUALIZADO EM 09/11/2017, 15h55

O senador Wellington Fagundes (PR-MT) informou que a bancada do estado no Congresso Nacional decidiu reservar R$ 156 milhões do Orçamento da União para o custeio de serviços de saúde no estado.

Ele ressaltou que o apoio financeiro é tem importância em função da forte crise vivenciada no setor.  Wellington citou como exemplo que a UTI pediátrica da Santa Casa de Rondonópolis foi fechada por falta de recursos.

Ainda segundo o senador, a saúde pública em Mato Grosso virou uma “verdadeira roleta” para os cidadãos. Quem tem sorte é atendido. Os demais padecem com a precariedade.

— Estamos fazendo isso mesmo numa posição em que somos oposição ao governo do estado, mas não somos oposição à população do estado de Mato Grosso. Como dizia Juscelino Kubitschek, governar é a arte de saber perdoar e também priorizar a aplicação dos recursos.

O senador Wellington Fagundes também lamentou a morte Luzia Ramos dos Santos, aos 92 anos e que foi uma das pioneiras na fundação da cidade de Rondonópolis.

Agência Senado (Reprodução autorizada mediante citação da Agência Senado)