Eunício pede para líderes indicarem nomes para CPI do BNDES

Da Redação | 07/06/2017, 19h05 - ATUALIZADO EM 07/06/2017, 20h02

O presidente do Senado, Eunício Oliveira (PMDB-CE), fez apelo em Plenário, nesta quarta-feira (7), para que os líderes partidários indiquem os membros da CPI do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES). A iniciativa atendeu ao pedido do senador Ataídes Oliveira (PSDB-TO), que reivindicou as indicações dos membros titulares e suplentes para a instalação da Comissão Parlamentar de Inquérito.

O pedido de criação da CPI foi lido durante a Sessão do Plenário do último dia 24 de maio e tem como autor o senador Roberto Rocha (PSB-MA). Segundo o autor, a comissão deve analisar empréstimos à empresas brasileiras que tenham se beneficiado de empréstimos do BNDES e se tonaram multinacionais desde 1997.

A instalação da CPI só pode ocorrer após os representantes de cada bancada partidária serem designados para compor a comissão. Além disso, os nomes indicados também devem ser lidos em Plenário.

O presidente Eunício afirmou ainda que caso que os nomes não sejam encaminhados, a Mesa será obrigada a fazer as indicações de ofício.

— Para instalação da CPI é necessário que,ou a Mesa faça de ofício ou os líderes indiquem os nomes. A Mesa, como sempre, querendo ser cada vez mais democrática, está mais uma vez fazendo esse apelo aos líderes para que encaminhem os nomes — disse.

Agência Senado (Reprodução autorizada mediante citação da Agência Senado)