Ângela Portela registra envio a sanção da exigência de exames para recém-nascidos

Da Redação e Da Rádio Senado | 10/04/2017, 18h02 - ATUALIZADO EM 11/04/2017, 17h52

A senadora Ângela Portela (PT-RR) registrou que seguiu para a sanção presidencial projeto de sua autoria que obriga o Sistema Único de Saúde a oferecer exames para mensurar riscos para o desenvolvimento infantil (PLS 451/2011). Os exames, explicou a senadora, serão feito nos primeiros 18 meses de vida do bebê e poderão detectar, precocemente, por exemplo, o transtorno do espectro autista, o que permitirá um melhor acompanhamento no desenvolvimento futuro da criança.

- Esse tipo de exame já é atualmente aplicado em consultas médicas simples. Compõe-se de 31 indicadores que possibilitam acompanhar o desenvolvimento infantil do bebê de zero a 18 meses. Esses indicadores reúnem aspectos corriqueiros da vida do bebê, com análise de suas reações a pequenos estímulos externos, das formas de expressão de suas necessidades, da resposta ao olhar da mãe durante a amamentação e dos gestos que a criança faz - explicou a senadora.

Reforma da previdência

A senadora Ângela Portela também citou pesquisa recente, publicada pelo jornal O Estado de São Paulo, que aponta que o governo não terá os 308 votos necessários para aprovar a reforma da Previdência na Câmara dos Deputados.

Na avaliação da senadora isso acontece porque nem mesmo a base governista, apesar da liberação de emendas, consegue apoiar uma proposta "cruel e injusta", especialmente para a parcela mais pobre da sociedade.

Mesmo com o recuo do governo em pontos específicos da proposta, como idade mínima de aposentadoria das mulheres, aposentadoria rural e concessão do Benefício da Prestação Continuada, o governo não conseguirá mudar esse cenário, avaliou Ângela Portela.

- O governo quer convencer o trabalhador a pagar a conta da crise econômica sozinho. Mas nós não iremos aceitar uma coisa dessas e os parlamentares do governo sabem que a população não vai admitir a perda de direitos - afirmou a senadora.

Agência Senado (Reprodução autorizada mediante citação da Agência Senado)