Presidente da Rede Vida visita Sarney

Da Redação | 17/01/2005, 23h00

O presidente da Rede Vida de Televisão, João Monteiro de Barros, visitou nesta terça-feira (18) o presidente do Senado, José Sarney. Indicado pela Casa para  integrar o Conselho de Comunicação Social, em uma das vagas reservadas aos representantes da sociedade civil, ele disse que pretende trazer ao conselho uma experiência bem sucedida em comunicação.

- A Constituição já estabelece limites, dos quais nós nunca fugimos, de respeito à sociedade e à família. Precisamos caminhar para uma nova cultura de comunicação no Brasil, que seja a favor do país, sem necessidade dessas coisas negativas que prejudicam a família brasileira - afirmou.

Barros, que trabalha com comunicação desde 1955, em rádio, televisão e jornal, disse que a Rede Vida, criada quando Sarney era presidente da República, vai fazer dez anos em 20 de junho como a quarta rede de televisão de alcance nacional.

- A Rede Vida hoje é um projeto sério. Além de respeitar a família brasileira, não deve para a Embratel, bancos, fornecedores, ou funcionários. Nós não transformamos a Rede Vida numa aventura empresarial e temos a alegria de ver nossa emissora pé no chão, responsável, consciente, totalmente comprometida com a família brasileira - ressaltou.

O presidente da Rede Vida anunciou que está viabilizando a criação da Agência da Boa Notícia, uma agência de notícias voltada para a busca de matérias positivas e de interesse da comunidade.

 

Agência Senado (Reprodução autorizada mediante citação da Agência Senado)

MAIS NOTÍCIAS SOBRE: