Randolfe reforça necessidade de a Polícia Federal investigar milícias

01/03/2018, 10h52 - ATUALIZADO EM 01/03/2018, 11h35

A Polícia Federal poderá se responsabilizar pela investigação de crimes praticados por organizações paramilitares e milícias armadas, caso se comprove o envolvimento de agente de órgão de segurança pública estadual. Essa atribuição está prevista em Projeto de Lei do Senado (PLS 548/2011), aprovado pelo Plenário do Senado nesta quarta-feira (28). A formação de milícias é, para o senador Randolfe Rodrigues (Rede – AP), um dos crimes mais terríveis porque é praticado por agentes do estado pagos para proteger o cidadão. O senador conversou sobre o projeto com a repórter Hérica Christian, da Rádio Senado. Ouça o áudio.



Opções: Download