Aprovado relatório da CPMI da JBS

14/12/2017, 15h28 - ATUALIZADO EM 14/12/2017, 17h37

O relatório final da Comissão Parlamentar Mista de Inquérito da JBS foi aprovado nesta quinta-feira (14). O relator, deputado Carlos Marun (PMDB-MS), concordou em retirar o pedido de indiciamento do ex-procurador-geral da República Rodrigo Janot, mas recomendou o indiciamento do ex-procurador Marcello Miller, suspeito de orientar o grupo JBS antes de deixar o Ministério Público; dos irmãos Joesley e Wesley Batista, acusados de corrupção ativa, uso indevido de informação privilegiada e manipulação de mercado; e do executivo Ricardo Saud, da JBS, por corrupção ativa. O texto recebeu votos contrários de três deputados, que queriam a prorrogação da CPI. O presidente do colegiado, senador Ataídes Oliveira (PSDB-TO), lamentou o tempo curto para as investigações, mas avaliou o trabalho final como positivo. Acompanhe a reportagem de Iara Farias Borges, da Rádio Senado.



Opções: Download