Senado devolverá MP que não chegar com pelo menos 10 dias de prazo para votação

09/08/2017, 09h05 - ATUALIZADO EM 09/08/2017, 14h23

O Senado vai devolver ao Poder Executivo todas as medidas provisórias que não chegarem com pelo menos dez dias de prazo para a análise e votação pelos senadores. A decisão foi tomada pelo presidente do Senado, Eunício Oliveira, em reunião com os líderes partidários. Com isso, três medidas provisórias perdem a validade. São elas: MPV 772/2017, que aumenta as multas que podem ser aplicadas aos frigoríficos; MPV 773/2017 que permite aos estados e municípios corrigir os valores de aplicação mínima em educação; e MPV 774/2017, que acaba com a desoneração da folha de pagamentos. A reportagem é de Maurício de Santi, da Rádio Senado.



Opções: Download