Presidente da CAS caracteriza como revoltante o fato do goleiro Bruno ser tratado como ídolo infantil

15/03/2017, 14h32 - ATUALIZADO EM 15/03/2017, 15h20

A presidente da Comissão de Assuntos Sociais (CAS), senadora Marta Suplicy (PMDB-SP), caracterizou como revoltante o fato de o goleiro Bruno, condenado por assassinato, ser tratado como ídolo infantil. A senadora se referiu à foto na capa do jornal Estadão em que meninos tiraram uma selfie com o goleiro. Detalhes com a repórter Iara Farias Borges, da Rádio Senado.



Opções: Download


Senado Agora
14h37 Dívidas tributárias: A comissão mista aprovou o relatório para a MP 899/2019, que permite a renegociação de dívidas tributárias com a União e regulamenta a transação tributária. A MP segue para os plenários da Câmara e do Senado.
13h49 Reforma tributária: Comissão da reforma tributária da Congresso será instalada hoje às 15h na presidência do Senado. Davi Alcolumbre confirmou que todas as indicações partidárias já foram feitas.
12h06 Tecnlogia 5G: A Comissão de Ciência e Tecnologia aprovou o Requerimento 62/2019, para criar uma subcomissão temporária para acompanhar a implantação da tecnologia 5G de telefonia móvel. O colegiado vai ser composto por cinco senadores.
Ver todas ›