Especialistas recomendam cautela sobre a fosfoetanolamina

05/04/2016, 18h05 - ATUALIZADO EM 14/09/2016, 11h06

Estudos preliminares sobre a fosfoetanolamina sintética demonstram que a substância não é tóxica, mas também não conseguiram comprovar a eficácia da substância na cura do câncer. Mas especialistas que participaram de debate no Senado nesta terça-feira (5) recomendam cautela e o aprofundamento dos estudos antes de qualquer conclusão. A repórter Marcela Diniz, da Rádio Senado, acompanhou a reunião.



Opções: Download


MAIS NOTÍCIAS SOBRE:
Câncer Fosfoetanolamina