Renan vai reunir líderes para definir procedimentos após prisão de Delcídio

25/11/2015, 14h28 - ATUALIZADO EM 25/11/2015, 14h40

O presidente do Senado, Renan Calheiros, disse que aguarda os autos a serem enviados pelo Supremo Tribunal Federal (STF) para que, junto com os líderes dos partidos, conheça o teor das investigações e adote os procedimentos sobre a prisão do líder do governo no Senado, Delcídio do Amaral (PT-MS). O parlamentar foi preso na manhã desta quarta-feira (25) sob acusação de tentar dificultar as investigações da Operação Lava-Jato da Polícia Federal. Informações com a repórter da Rádio Senado Paula Groba.



Opções: Download