Ministério da Educação vai avaliar renovação do credenciamento do ILB

Da Redação | 14/07/2017, 08h58 - ATUALIZADO EM 14/07/2017, 11h55

Equipe do Ministério da Educação vai realizar, de de 31 de julho a 3 de agosto, visitas técnicas ao Instituto Legislativo Brasileiro (ILB) para verificar os  requisitos necessários à renovação do credenciamento do instituto junto ao ministério.

O credenciamento é uma espécie de selo de qualidade, que permite ao ILB oferecer cursos de pós-graduação, com certificados válidos em todo o país. O primeiro credenciamento do instituto se deu em 2013.

A equipe do Ministério da Educação vai avaliar, além de aspectos físicos e orçamentários, a coerência entre as propostas do Plano de Desenvolvimento Institucional e a capacidade da instituição de colocá-las em prática. O plano foi elaborado por todos os setores do ILB, aprovado pelo Comitê Científico e Pedagógico e está registrado no sistema eletrônico do ministério desde 2015.

A Coordenação de Educação Superior do ILB já fez uma série de adaptações no bloco de salas de aulas para facilitar a acessibilidade, além de reorganizar o Serviço de Atendimento Acadêmico, atendendo às normas do ministério. O prazo para cumprir todos os compromissos do Plano de Desenvolvimento Institucional vai até 2020.

A Biblioteca do Senado, o Espaço do Servidor e o prédio do Interlegis também integram o ILB como escola de governo. Os cursos que são oferecidos pelo ILB reservam 10% das vagas para instituições conveniadas, como a Câmara dos Deputados, o Tribunal de Contas da União (TCU) e a Câmara Legislativa do Distrito Federal. O instituto também executa, desde 2013, o Programa Interlegis, responsável pelo treinamento e capacitação de servidores de câmaras municipais e assembleias legislativas, que funciona como programa de extensão da escola de governo.

Agência Senado (Reprodução autorizada mediante citação da Agência Senado)