Kátia Abreu pede explicações a ministro sobre despesas com embaixadas — Rádio Senado
Reforma Administrativa

Kátia Abreu pede explicações a ministro sobre despesas com embaixadas

A senadora Kátia Abreu (PP-TO) apresentou um requerimento para que o ministro das Relações Exteriores, Ernesto Araújo, apresente informações sobre o custo total das embaixadas e consulados do Brasil e os respectivos dados sobre comércio exterior e balança comercial com cada país. Mais informações com o repórter Pedro Pincer.

29/09/2020, 17h23 - ATUALIZADO EM 29/09/2020, 17h23
Duração de áudio: 01:43
Sessão deliberativa extraordinária semipresencial, para análise de indicações de embaixadores do Brasil em diversos países e para o cargo de ministro do Superior Tribunal Militar (STM). Ordem do Dia. 

À bancada, em pronunciamento, senadora Kátia Abreu (PP-TO). 

Foto: Pedro França/Agência Senado
Foto: Foto: Pedro França/Agência Senado

Transcrição
LOC: SENADORA KÁTIA ABREU PEDE EXPLICAÇÕES A MINISTRO SOBRE DESPESAS COM EMBAIXADAS LOC: DADOS SOBRE BALANÇA COMERCIAL E COMÉRCIO EXTERIOR TAMBÉM DEVEM SER ENVIADOS, SEGUNDO O REQUERIMENTO. O REPÓRTER PEDRO PINCER TEM OS DETALHES: TÉC: O ministro das Relações Exteriores, Ernesto Araújo, pode ter que apresentar informações sobre o custo total das embaixadas e consulados do Brasil e os respectivos dados sobre comércio exterior e balança comercial com cada país. Esse é o objetivo de um requerimento apresentado pela senadora Kátia Abreu, do Progressistas do Tocantins. Ela diz que essa análise é importante, especialmente em momentos de redução orçamentária e do aumento dos gastos públicos por ações dos países atingidos por emergências sanitárias internacionais, como é o caso da pandemia de covid-19. Outro ponto levantado pela senadora é se os gastos e investimentos públicos do Brasil têm resultado em avanços importantes, com ganhos efetivos para o país. (Kátia Abreu) Que nós possamos fazer uma revisão do número de embaixadas e consulados de acordo com sua produtividade e retorno em interesses comerciais e, claro, interesses políticos. Espero que a reforma administrativa possa chegar, nesse sentido, ao Itamaraty (REP) Segundo Kátia, a forma como são selecionados os embaixadores do Brasil para trabalhar no exterior precisa ser mais transparente (Kátia Abreu) A interferência política, especialmente de pessoas de fora do país, que moram nos Estados Unidos, brasileiros como o senhor Olavo de Carvalho, uma ingerência total e absoluta e um clima de terror dentro do Itamaraty, principalmente com os mais antigos de casa, que estão se aposentando até mesmo antes da hora (REP): Na última quarta-feira, o Plenário do Senado aprovou 34 novos embaixadores em países como Argentina, Chile, Israel e África do Sul. Da Rádio Senado, Pedro Pincer.

Ao vivo
00:0000:00