Estudos sobre recursos minerais de Roraima são apresentados na CDR

Da Redação | 09/05/2019, 11h45

Estudos feitos pela Companhia de Pesquisa de Recursos Minerais (CPRM), o Serviço Geológico do Brasil, no estado de Roraima foram apresentados em audiência pública da Comissão de Desenvolvimento Regional e Turismo (CDR), nesta quinta-feira (9). A CPRM é uma empresa pública vinculada ao Ministério de Minas e Energia, cujo foco é a pesquisa de recursos minerais para o desenvolvimento sustentável do país.

O diretor de Geologia e Recursos Minerais da CPRM, José Leonardo Andriotti, explicou que o órgão identifica potencialidades do subsolo brasileiro para que o governo federal possa implementar ações de exploração dos recursos existentes. A empresa também contribui com o mapeamento de áreas de risco e eventos extremos, a fim de prevenir calamidades.

Segundo Andriotti, há 376 direitos sobre áreas minerais em processo de licitação, entre as quais, depósitos de fosfato, cobre, chumbo, zinco e ouro, que demonstram o potencial futuro de produção mineral do Brasil.

— Estamos executando projetos para definir áreas onde esses bens minerais existem e têm grandes chances de serem aproveitados. Temos capilarização em todo o país e equipes à disposição para todos os que precisem de nós.

Pesquisador em Geociências da CPRM, Antônio Charles Oliveira citou três projetos em andamento: Nova Fronteira, Fosfato Brasil e Diamante Brasil. Ele destacou que esses estudos são estratégicos para a descoberta e o gerenciamento dos recursos minerais, energéticos e hídricos; para o desenvolvimento da agricultura e da construção civil, bem como para o planejamento da ocupação do solo e a gestão territorial.

— Em um país de dimensões continentais, como o Brasil, a cartografia geológica é imprescindível como ferramenta indutora do desenvolvimento econômico, porque representa a base fundamental de conhecimento do meio físico.

O senador Chico Rodrigues (DEM-RR), que sugeriu a audiência pública, defende a inclusão da pesquisa mineral na pauta do Senado. Ele destacou que Roraima é rico em minerais estratégicos como estanho, tântalo e rochas ornamentais e que a exploração dessas riquezas é importante para a economia do país, “com um investimento relativamente baixo”.

Agência Senado (Reprodução autorizada mediante citação da Agência Senado)

Senado Agora
19h11 Violência doméstica: Senado aprova o PL 2.510/2020, que obriga moradores e síndicos de condomínios a informarem casos de violência doméstica às autoridades competentes. Texto vai à análise da Câmara dos Deputados.
18h38 Prioridade à mulher: Vai à sanção o PL 2.508/2020, que prioriza a mulher como provedora para receber o auxílio emergencial destinado a família monoparental. Pelo texto, o recurso só vai para o pai quando comprovada a guarda unilateral do dependente.
17h30 Proteção aos bancos: Senado aprova PLV 21/2020, decorrente da MP 930/2020, que protege os bancos com investimento no exterior da perdas por variação cambial. O texto segue para sanção presidencial.
Ver todas ›