Cristovam Buarque compara pobreza no Brasil a drama de meninos na Tailândia

Da Redação e Da Rádio Senado | 11/07/2018, 18h42 - ATUALIZADO EM 11/07/2018, 18h43

Em discurso nesta quarta-feira (11), o senador Cristovam Buarque (PPS-DF) elogiou o resgate dos doze meninos e de seu técnico de futebol em uma caverna na Tailândia. E ressaltou que foi uma decisão política do governo tailandês, que investiu grandes recursos financeiros para obter um resultado positivo.

Cristovam lamentou, no entanto, que não haja no Brasil a mesma iniciativa para tirar milhões de brasileiros da ignorância e da pobreza. E comparou o analfabetismo a um tipo de afogamento semelhante ao que ameaçava as crianças presas na caverna.

- Então, no fundo, no fundo, é uma questão moral: deixamos alguém se afogar na pobreza, não deixamos se afogar na água; deixamos prisioneira da pobreza, não deixamos prisioneira de uma caverna - refletiu.

Agência Senado (Reprodução autorizada mediante citação da Agência Senado)

Senado Agora
17h56 Intervertor Rio de Janeiro: Plenário aprovou projeto (PLV 14/2018) que cria o cargo de interventor federal na segurança pública do Rio de Janeiro. Projeto segue para sanção.
17h56 Intervenção no Rio: Plenário aprovou projeto de lei (PLV 21/2018) que abre crédito de R$ 1,2 bilhão para ações da intervenção federal no Rio de Janeiro. Matéria segue para sanção presidencial.
17h43 Irrigação: Senado aprovou projeto de lei de conversão (PLV 15/2018) que dispõe sobre a Política Nacional de Irrigação. O texto, que altera a medida provisória 842/2018, segue para sanção presidencial.
Ver todas ›