Lídice da Mata pede a rápida criação de CPI para investigar os reajustes dos planos de saúde

Da Redação e Da Rádio Senado | 04/07/2018, 20h30 - ATUALIZADO EM 04/07/2018, 22h38

Em pronunciamento no Plenário nesta quarta-feira (4), a senadora Lídice da Mata (PSB-BA) pediu a rápida criação de uma Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) para investigar os elevados reajustes dos preços dos planos de saúde que vêm sendo praticados em valores superiores aos índices oficiais de inflação.

Lídice disse já ter garantido as assinaturas necessárias para a instalação da CPI e acusou a Agência Nacional de Saúde Suplementar, a ANS, de levar em conta apenas os interesses das operadoras dos planos e não os direitos dos consumidores.

Ela destacou que os dirigentes da ANS, que passaram por sabatina e aprovação no Senado, devem voltar para prestar conta das decisões que vêm tomando de forma contrária à população do país.

— O consumidor está sendo obrigado a recorrer à justiça para ter a garantia do seu direito, porque a Agência Nacional de Saúde está mais preocupada em garantir a reivindicação, o pleito das grandes empresas de planos de saúde.

Agência Senado (Reprodução autorizada mediante citação da Agência Senado)

Senado Agora
18h17 Imposto sobre refrigerantes: Plenário do Senado aprovou projeto (PDS 57/2018) sustando decreto que havia reduzido o IPI dos extratos concentrados de refrigerantes de 20% para 4%. Projeto segue para a Câmara.
17h23 Proteção de dados pessoais: Plenário do Senado aprovou projeto de lei (PLC 53/2018) que disciplina proteção a dados pessoais dos cidadãos e faz com que usuários tenham instrumentos para questionar o mal uso de seus dados.
15h14 Segurança pública: Comissão Mista aprovou a Medida Provisória 840/2018, que cria cargos em comissão para a área de segurança pública. A matéria segue para o Plenário do Senado.
Ver todas ›