Eduardo Lopes busca apoio para novo medicamento contra dengue, zika e chicungunha

Da Redação | 05/06/2018, 20h52 - ATUALIZADO EM 05/06/2018, 21h06

Em discurso nesta terça-feira (5), o senador Eduardo Lopes (PRB-RJ) relatou ter participado de reunião, no Ministério da Saúde, com dois pesquisadores que buscam recursos para o projeto de um novo medicamento que pode beneficiar pacientes com dengue, zika e chicungunha.

Apesar de destacar o papel das ações de prevenção, o senador lembrou que essas doenças atingem cada vez mais pessoas no Brasil e que o medicamento pode ajudar a diminuir a taxa de mortalidade.

- O projeto vem para contribuir com essa dificuldade que passamos anualmente. Ainda será necessário passar por algumas fases até que possa ser finalmente utilizado pela população, mas, sem dúvida, será um caminho para combater a dengue e seus sintomas e também para diminuir o índice de mortalidade desses pacientes - destacou.

Os pesquisadores, explicou Lopes, atuam na área de pesquisa farmacêutica, em parceria com o Laboratório Químico-Farmacêutico da Aeronáutica. Eles desenvolveram um medicamento para combater infecções por arbovírus, como é o caso das três doenças, transmitidas por mosquitos. A intenção é fazer com que o remédio chegue à população.

Agência Senado (Reprodução autorizada mediante citação da Agência Senado)