Renan vai discutir com governadores propostas para reduzir endividamento

Da Redação | 07/06/2016, 19h50 - ATUALIZADO EM 07/06/2016, 20h22

Selo_Agenda_BrasilO presidente do Senado, Renan Calheiros, recebe nesta quarta-feira (8), às 14h30, uma representação de governadores para discutir propostas que possam ajudar a enfrentar a crise econômica. Um dos projetos tema da conversa será o que atualiza e amplia o Supersimples.

O PLC 125/2015, que foi relatado pela senadora Marta Suplicy (PMDB-SP), aumenta os limites de receita bruta anual para que as empresas se enquadrem no programa. Marta Suplicy tem a expectativa que essa matéria possa ser votada também na quarta, uma vez que está pronta para ser examinada.

- Vamos reduzir a carga tributária, com responsabilidade, sem comprometer as finanças ou os municípios e estados. Vamos tirar do sufoco os micro e pequenos empreendedores, que são os que mais empregam no país - explicou a senadora, lembrando que os governadores reivindicam também a  autorização urgente para contratação de novas operações de crédito como forma de retomada dos investimentos e geração de emprego e o alongamento da dívida dos estados com a União.

Os governadores também devem tratar de propostas de emendas à Constituição que tratam de precatórios, como a PEC 159/2015, que foi aprovada pelos senadores em segundo turno nesta terça-feira (7) e retornou à Câmara dos Deputados. A emenda permite o uso de dinheiro depositado na justiça para o pagamento de dívidas públicas. Os gestores estaduais também defendem a aprovação da PEC 128/2015, já votada no Senado e que proíbe a criação e expansão de despesas para estados e municípios sem apresentação das devidas fontes de receita.

Agência Senado (Reprodução autorizada mediante citação da Agência Senado)