CPI do Cachoeira adia leitura do relatório final

Da Redação | 22/11/2012, 10h35

Na abertura da reunião da CPI do Cachoeira, nesta quinta-feira, o relator, deputado Odair Cunha (PT-MG), pediu aos demais integrantes da comissão para ler seu relatório na próxima semana. Odair disse ainda estar dialogando com os “pares” do colegiado, o que evidencia uma possível mudança no texto a partir de sugestões de senadores e deputados.

Após o pedido de novo adiamento, o presidente Vital do Rêgo (PMDB-PB) marcou a leitura do texto para a próxima quarta-feira.

O deputado Carlos Sampaio discordou do adiamento e disse que o relator está “intranquilo” e “inseguro” quanto ao conteúdo do documento.

O senador Randofe Rodrigues, por sua vez, concordou com Odair:
- Acho de bom tom o adiamento, visto que a leitura seria feita numa cpi esvaziada hoje – disse referindo-se a baixa presença de parlamentares no plenário da comissão.

O deputado Miro Teixeira também manifestou apoio ao relator.
-  Isso é uma tentativa de ponderação sobre o conteúdo do próprio relatório. Se temos a chance de aprovar um texto que mais se aproxime de pensamento médio, não acho que seja questão de insegurança - afirmou.

A leitura estava prevista para quarta-feira (21) e, por uma questão regimental, foi transferida para esta quinta. Vários parlamentares já tinham pedido adiamento, reclamando de que não tiveram tempo de ler o texto, com mais de 5 mil páginas. Também foi apresentado um pedido de vista, que só poderá ser votado depois de encerrada a leitura.

Mais informações a seguir

Agência Senado (Reprodução autorizada mediante citação da Agência Senado)

MAIS NOTÍCIAS SOBRE: