Senado deve votar aumento de pena para o crime de feminicídio

12/03/2018, 21h12 - ATUALIZADO EM 13/03/2018, 18h28

O Plenário do Senado pode votar nesta terça-feira (13) o projeto de lei da Câmara (PLC 8/2016) que agrava a pena de prisão para o crime de feminicídio. A pena será aumentada de um terço a 50% quando o feminicídio for cometido mesmo havendo a determinação de medida protetiva, como o afastamento do agressor do lar. O relator da matéria, senador Eduardo Lopes (PRB-RJ), explica que estão previstos outros agravantes, como a prática do crime contra pessoa com deficiência ou doença degenerativa. As informações com o repórter Maurício de Santi, da Rádio Senado.



Opções: Download