Agricultor familiar poderá ter crédito subsidiado para contratar assistência técnica

06/12/2017, 08h14 - ATUALIZADO EM 06/12/2017, 13h01

A Comissão de Assuntos Econômicos (CAE) aprovou, na terça-feira (5), proposta que altera a Lei do Crédito Rural para incluir o financiamento da contratação de serviços públicos ou privados de assistência técnica e extensão rural, com linhas de crédito subsidiado (PLS 318/2012). A medida beneficia os produtores rurais ou suas organizações legalmente instituídas e garante taxa de juros zero para o agricultor familiar e o empreendedor familiar rural, que também poderão receber descontos em dívidas anteriores. O relator da proposta, senador Valdir Raupp (PMDB-RO), considera a medida fundamental para ampliar as condições de acesso a tecnologias associadas à atividade agrícola. O texto segue para análise da Comissão de Agricultura e Reforma Agrária (CRA), como informa a repórter da Rádio Senado Marcella Cunha.



Opções: Download