CAE aprova projeto que dá ao consumidor mais informações sobre títulos de capitalização

04/10/2017, 12h49

Os títulos de capitalização poderão vir a ser obrigados a informar o rendimento total, os valores para resgate antecipado, o prazo de carência e a probabilidade de o aplicador ser sorteado. Isso é o que estabelece um projeto de lei (PLS 115/2016) do senador Paulo Paim (PT–RS) aprovado terça-feira (3) na Comissão de Assuntos Econômicos do Senado (CAE). A intenção do  senador Paulo Paim  é dar mais transparência aos títulos de capitalização. Paim reclama que a propaganda dos títulos focaliza mais o sorteio e omite informações sobre as taxas administrativas. O relator, Cidinho Santos (PR–MT), concorda. Cidinho admite que o título de capitalização não é um concurso de prognósticos, pois os recursos não são totalmente perdidos em caso de o aplicador não ser sorteado. Ouça os detalhes no áudio do repórter da Rádio Senado, Bruno Lourenço.



Opções: Download


Senado Agora
13h35 Motoristas de aplicativo: Destacada para votação em separado, também foi aprovada emenda ao PL 1.179/2020 que beneficia motoristas de aplicativo, reduzindo temporariamente em 15% o repasse que os profissionais são obrigados a fazer às empresas.
13h32 Relações jurídicas: Em sessão remota, o Plenário aprovou o PL 1.179/2020 que altera relações jurídicas privadas durante a pandemia da covid-19. A matéria segue para a Câmara dos Deputados.
12h09 Relações jurídicas: O Plenário aprovou texto-base do PL 1.179/2020, que altera relações jurídicas privadas durante a pandemia. Senadores avaliam agora um destaque ao projeto.
Ver todas ›