Senadores avaliam retorno da norma que permite um reajuste por ano no preço de remédios

05/06/2017, 13h06 - ATUALIZADO EM 05/06/2017, 13h09

A Lei que permite somente um reajuste por ano no preço de medicamentos volta a valer. A Medida Provisória (MPV 754/2016) que autorizou o aumento ou a redução do valor a qualquer tempo perdeu o prazo de vigência antes de ter sido votada. A mudança que autorizava o reajuste em qualquer época do ano não era consenso entre a indústria farmacêutica. Entre as preocupações, estavam a alta dos preços e o desequilíbrio do mercado. Para a senadora Vanessa Grazziotin (PCdoB–AM), a aprovação da MP prejudicaria a população. Já o senador Eduardo Amorim (PSDB–SE), que foi relator-revisor da matéria, somente um ajuste por ano pode gerar um desestímulo à produção de medicamentos. Ouça os detalhes no áudio da repórter da Rádio Senado Rebeca Ligabue.



Opções: Download