Instituição Fiscal Independente defende idade mínima para aposentadoria

06/03/2017, 20h08 - ATUALIZADO EM 06/03/2017, 20h30

A Instituição Fiscal Independente divulgou, nesta segunda-feira (06), o segundo relatório de acompanhamento da política fiscal e das contas públicas. Ao divulgar o documento, o diretor da instituição, Felipe Salto, defendeu um dos pontos principais da proposta de emenda à Constituição da reforma da Previdência Social enviada pelo presidente Michel Temer ao Congresso, a fixação da idade mínima de 65 anos para aposentadoria de homens e mulheres (PEC 287/2016). Ele afirmou que “O essencial é que a idade mínima dos 65 anos seja fixada. Se esse ponto for flexibilizado, dificilmente os resultados positivos do ponto de vista fiscal vão ser verificados”. A reportagem é de Marcella Cunha, da Rádio Senado.



Opções: Download