Dispensar farmacêutico é um absurdo, diz presidente do Conselho Federal de Farmácia

11/11/2014, 19h30

O presidente do Conselho Federal de Farmácia, Walter da Silva Jorge, disse nesta terça-feira (11) que a dispensa do profissional farmacêutico nas pequenas e micro empresas do setor é um absurdo. Ele participou de audiência na comissão mista que analisa a providência, estabelecida na Medida Provisória 653/2014. Na avaliação da entidade, a medida pode trazer sérias consequências à saúde da população. O relatório preliminar da comissão será apresentado nesta quinta-feira (13) pelo relator, deputado Manoel Junior (PMDB-PB). Mais informações no áudio de Francisco Coelho, da Rádio Senado.

 



Opções: Download


MAIS NOTÍCIAS SOBRE: