Internacional

Tráfico de pessoas movimenta mais de 30 bilhões de dólares anualmente

01:57Tráfico de pessoas movimenta mais de 30 bilhões de dólares anualmente

Transcrição LOC: 30 DE JULHO É O DIA INTERNACIONAL DE COMBATE AO TRÁFICO DE PESSOAS. LOC: O CRIME É GERALMENTE EXECUTADO PARA A EXPLORAÇÃO SEXUAL DAS VÍTIMAS E TAMBÉM PARA ABASTECER O MERCADO ILEGAL DE COMPRA E VENDA DE ÓRGÃOS. REPÓRTER RODRIGO RESENDE: TÉC: O tráfico de pessoas no mundo é um crime que movimenta mais de 30 bilhões de dólares por ano de acordo com o escritório das Nações Unidas sobre Drogas e Crime. As vítimas, geralmente mulheres, são utilizadas para exploração sexual, trabalhos escravos ou no mercado ilegal de compra e venda de órgãos e tecidos. O presidente da Comissão de Direitos Humanos do Senado, Paulo Paim, do PT do Rio Grande do Sul, ressalta que este crime começa muitas vezes com promessa de uma vida melhor: Paim – Homens, mulheres e crianças, em busca de uma vida melhor são na verdade coagidos ou iludidos, com promessas vãs, a deslocar longe de casa e acabam submetidos a regimes forçados de trabalho e privação dos direitos da pessoa humana. (REP). O Senado teve em 2011 um CPI sobre o assunto que gerou uma proposta já transformada em lei que aumentou a pena de pessoas envolvidas na organização deste tipo de crime para até 8 anos, além de prever assistência às vítimas. Para Paulo Paim ainda é necessário mais repressão para a prática: Paim – Devemos começar a pensar nessa chamada escravidão moderna como um crime financeiro altamente lucrativo e generalizado com consequências devastadoras para as pessoas. (REP) O Ministério da Justiça brasileiro integra junto com outros sete países latino-americanos e a ONU um projeto internacional de prevenção e investigação do crime de tráfico de pessoas, o TRACK4TIP, uma iniciativa que envolve 3 bilhões de dólares. A ideia é reunir dados sobre rotas de tráficos de pessoas e capacitar agentes públicos para combater esse crime. Da Rádio Senado, Rodrigo Resende.

 O tráfico de pessoas é um tipo de crime que movimenta anualmente mais de 30 bilhões de dólares segundo a ONU. 30 de julho é o dia para conscientização internacional de combate a esse tipo de crime. Para o senador Paulo Paim (PT/RS), presidente da Comissão de Direitos Humanos do Senado, ainda é preciso mais debates e formas de repressão a essa prática. Mais informações com o repórter Rodrigo Resende, da Rádio Senado.

Lei 13.344/2016

TÓPICOS:
CPI  Direitos Humanos  Drogas  Justiça  Ministério da Justiça  ONU  PT  Rio Grande do Sul  Senador Paulo Paim  Tráfico de Pessoas  Trabalho 

Senado Federal - Praça dos Três Poderes - Brasília DF - CEP 70165-900 | Telefone: 0800 61 22 11
Ao vivo