Receita Federal

Cerca de 7 milhões de contribuintes ainda não entregaram o Imposto de Renda

01:46Cerca de 7 milhões de contribuintes ainda não entregaram o Imposto de Renda

Transcrição LOC: CERCA DE SETE MILHÕES DE CONTRIBUINTES AINDA NÃO ENVIARAM A DECLARAÇÃO DO IMPOSTO DE RENDA PARA A RECEITA FEDERAL. LOC: O PRAZO FINAL SE ENCERRA NA TERÇA-FEIRA, DIA 30 DE JUNHO. QUEM PERDER O PRAZO PAGA MULTA DE NO MÍNIMO 166 REAIS. REPÓRTER ROBERTO FRAGOSO. TÉC: O volume total esperado de declarações é de 32 milhões em 2020. O prazo de entrega, que deveria ser o fim de abril, já foi prorrogado por dois meses em função da pandemia do novo coronavírus. Além disso, para facilitar o procedimento, a Receita Federal suspendeu a necessidade de informar o número do recibo da declaração anterior, e adiou o pagamento da primeira cota ou cota única para junho. Quem não entregar a declaração até às onze e 59 da noite do dia 30 deste mês estará sujeito a pagamento de multa que vai de R$ 166 reais a 20% do imposto devido. O recomendado é não deixar para a última hora, pois a rede pode ficar sobrecarregada. No Senado, há uma proposta para estender novamente o prazo da declaração, mas apenas para quem tiver sido contaminado pelo coronavírus. Além do prazo maior, o projeto do senador Rogério Carvalho, do PT de Sergipe, isenta esses contribuintes do imposto de renda neste ano. (Rogério Carvalho) Pessoas que tiverem a doença, elas vão ter um gasto muito elevado, elas vão ter um comprometimento maior do que quem não vai ter, além de ter a doença. É por isso que a gente está propondo que elas sejam isentas do imposto de renda nesse período, para aumentar a renda familiar e para garantir que a sobrevivência das famílias seja mantida. (Repórter) Outro projeto que também aguarda votação no plenário do Senado, de Randolfe Rodrigues, da Rede Sustentabilidade do Amapá, determina que pessoas físicas recebam a restituição 15 dias depois de enviar a declaração. A declaração do Imposto de Renda é obrigatória para quem recebeu rendimentos tributáveis acima de 28 mil, 559 reais, rendimentos isentos, não tributáveis ou tributados na fonte, acima de 40 mil, quem teve lucro com venda de bens e como imóveis e quem tem patrimônio superior a 300 mil reais. Da Rádio Senado, Roberto Fragoso.

O prazo para declaração do Importo de Renda termina em 30 de junho. Cerca de sete milhões de contribuintes ainda não enviaram seus dados. Quem não entregar a declaração até às 23h59 do dia 30 estará sujeito a pagamento de multa que vai de R$ 165,74 a 20% do imposto devido. A reportagem é de Roberto Fragoso, da Rádio Senado.

PL 799/2020
PL 802/2020

TÓPICOS:
Amapá  Coronavírus  Imposto de Renda  IR  pandemia  Plenário do Senado  PT  Receita Federal  Rede  Rede Sustentabilidade  Senador Randolfe Rodrigues  Senador Rogério Carvalho  Sergipe  Sustentabilidade 

Senado Federal - Praça dos Três Poderes - Brasília DF - CEP 70165-900 | Telefone: 0800 61 22 11
Ao vivo