CRE aprova, presencialmente, 32 indicações de novos embaixadores — Rádio Senado
Relações Exteriores

CRE aprova, presencialmente, 32 indicações de novos embaixadores

A Comissão de Relações Exteriores aprovou 32 indicações de novos embaixadores, na primeira votação presencial desde o início da pandemia. Os diplomatas serão agora analisados pelo Plenário. Reportagem de Maurício de Santi.

21/09/2020, 19h30 - ATUALIZADO EM 22/09/2020, 13h02
Duração de áudio: 01:56
Comissão de Relações Exteriores e Defesa Nacional (CRE) se reúne em sistema semipresencial para sabatina de indicados para missões diplomáticas no exterior.

As reuniões ocorrem de forma semipresenciais, sendo permitida a participação remota dos senadores através de um aplicativo de videoconferência, para debate com os indicados e leitura de relatórios. 

Mesa:
presidente eventual da da CRE, senadora Kátia Abreu (PP-TO);
senador Nelsinho Trad (PSD-MS).

Foto: Pedro França/Agência Senado
Foto: Foto: Pedro França/Agência Senado

Transcrição
LOC: COMISSÃO DE RELAÇÕES EXTERIORES APROVA 32 INDICAÇÕES DE NOVOS EMBAIXADORES. NOMES DOS DIPLOMATAS SERÃO AGORA ANALISADOS PELO PLENÁRIO. LOC: APÓS SEIS MESES DE VOTAÇÕES REMOTAS, EM DECORRÊNCIA DA PANDEMIA, O SENADO VOLTOU A DELIBERAR PRESENCIALMENTE, COM MEDIDAS DE SEGURANÇA REFORÇADAS. REPÓRTER MAURÍCIO DE SANTI: Téc: Ao longo de todo o dia, 32 embaixadores foram sabatinados pelos senadores da Comissão de Relações Exteriores do Senado. Foram ao todo, três reuniões. Entre as indicações aprovadas está a de Paulo Roberto Caminha de Castilhos França para ser embaixador do Brasil nos Países Baixos. O relator desta indicação, senador Carlos Fávaro, do PSD de Mato Grosso, lembrou a importância estratégica dos Países Baixos para a economia brasileira: Fávaro – Os Países Baixos são o maior mercado para exportação brasileira na Europa e quarto maior do mundo, atrás apenas dos Estados Unidos, China e Argentina. (REP) Arthur Henrique Villanova Nogueira teve o nome aprovado na CRE para ser representante do Brasil na Zâmbia, país africano: Arthur – A Zâmbia tem um histórico muito longo já de participação em eventos regionais desde a época da descolonização mas hoje ainda em fóruns de estabilização de zonas de conflitos de conflito na África, como por exemplo no Sudão. (REP) Na parte da tarde, os senadores aprovaram o nome de Carlos Sérgio Sobral Duarte, para o cargo de representante permanente do Brasil junto à Agência Internacional de Energia Atômica. O relator da indicação foi o senador Humberto Costa do PT de Pernambuco que destacou que o Brasil é um membro fundador da Agência, cujo objetivo é garantir uso pacífico da energia nuclear (Humberto) o objetivo da acelerar e ampliar a contribuição da energia atômica para a paz, a saúde e a prosperidade mundiais e assegurar, que a assistência prestada pela Agência, não seja utilizada de maneira a promover qualquer finalidade militar. (Rep) Na terceira reunião do dia, os senadores analisaram as indicações de mais dez embaixadores, entre eles os nomes para as representações do Brasil na Argentina e em Israel. Todos os nomes seguem para votação no plenário do Senado, que começa a examinar as indicações na tarde desta terça-feira.

Ao vivo
00:0000:00