Moacir Santos

54:00Moacir Santos
1º bloco
18:49
2º bloco
13:10
3º bloco
22:01

O maestro Moacir Santos é o homenageado desta semana no Improviso. Nascido em 1926, em Flores do Pajeú, sertão Pernambucano, o músico morreu em agosto de 2006, Pasadena, na Califórnia, onde morava desde 1967. Com uma trajetória singular, da pobreza ao reconhecimento, ele sempre valorizou muito suas raízes negras. Suas composições mais conhecidas têm inspiração nas religiões afro-brasileiras, como Nanã. Formado com os grandes mestres de sua época, o maestro Moacir Santos foi o professor de uma nova geração de músicos como Paulo Moura, Sergio Mendes, João Donato, Baden Powel.No Improviso vamos escutar a obra de Moacir Santos, recuperada por Mario Adnet e Zé Nogueira no álbum duplo Ouro Negro, de 2004. Eles reuniram uma orquestra com alguns dos melhores músicos brasileiros e recriaram os arranjos originais do grande mestre, em um trabalho de altíssimo nível. O Improviso tem produção e apresentação de Flavio de Mattos. O programa vai ao ar na Rádio Senado FM nesta sexta feira, às 23 horas, com reapresentação no sábado, às 18 horas.

 

 

Seleção

1 – Coisa n.o 4

2 – Coisa n.o 2

3 – Sou eu

4 – Coisa n.o 5

5 – Coisa n.o 6

6 – Maracatu, Nação do Amor

7 – Coisa n.o 9

8 – De repente, estou feliz...

9 – Kamba

10 – Orfeu

11 – Coisa n.o 7

12 – Oduduá

13 – Coisa n.o 10

*originalmente veiculado em 07/06/2019.

TÓPICOS:
Música  Jazz  Música Brasileira  Pobreza  Trabalho 

Senado Federal - Praça dos Três Poderes - Brasília DF - CEP 70165-900 | Telefone: 0800 0 61 2211
Ao vivo