Cassação

Comissão Diretora inicia análise de cassação de Juíza Selma

01:57Comissão Diretora inicia análise de cassação de Juíza Selma

Transcrição LOC: A COMISSÃO DIRETORA DO SENADO VAI ANALISAR O ATO DO TRIBUNAL SUPERIOR ELEITORAL QUE DETERMINA A CASSAÇÃO DO MANDATO DA SENADORA JUÍZA SELMA. LOC: SENADORES DEVEM DECIDIR SE A PERDA DE MANDATO DEVE SER IMEDIATA OU AGUARDAR TODOS OS RECURSOS POSSÍVEIS NA JUSTIÇA. A REPORTAGEM É DE RODRIGO RESENDE: (TÉC): A Comissão Diretora do Senado vai ouvir a defesa da senadora Juíza Selma, do Podemos de Mato Grosso, antes de acolher o ato de cassação do mandato determinado pelo Tribunal Superior Eleitoral. O presidente do Senado, Davi Alcolumbre, do Democratas do Amapá, ressaltou que a decisão tomada pelo TSE não será revista pela Casa. (Davi): É o que está na Constituição, é um ato declaratório, nós não temos a capacidade de deliberação, é um ato de declaração e nós vamos cumprir. (Repórter): Designado relator, o senador Eduardo Gomes, do MDB do Tocantins, esclareceu que não haverá análise de mérito da cassação por suposto abuso de poder econômico e caixa dois. Segundo ele, será apenas decidido o momento de recebimento do ato de declaração de perda do mandato. (Eduardo Gomes): Designação para relatoria foi para analisar a informação da Defesa da Senadora juíza Selma acerca do acolhimento do ato declaração de perda de Mandato feito pelo Tribunal Superior Eleitoral e não do mérito. No nosso caso a nossa relatoria versa expressamente sobre essa condição receber a defesa e submeter novamente a votação da mesa (Repórter): O senador Lasier Martins, do Podemos do Rio Grande do Sul, destacou que o advogado da Juíza Selma defendeu que o mandato dela seja mantido até o julgamento de todos os recursos. (Lasier): Ele informalmente sustentou de que deveríamos aguardar porque no primeiro momento esse processo Selma está em fase de embargos de declaração para o próprio eleitoral e ele não teria tempo antes da eleição marcada para Abril e apresentar o seu recurso extraordinário. (Repórter): A senadora Juíza Selma apresentou embargos de declaração no próprio Tribunal Superior Eleitoral e ainda poderá apresentar um recurso extraordinário no Supremo Tribunal Federal. Mas o TER de Mato Grosso convocou para o dia 26 de abril uma nova eleição para o cargo de senador. Da Rádio Senado, Rodrigo Resende. PETIÇÃO: https://www25.senado.leg.br/web/atividade/materias/-/materia/140508

A Comissão Diretora do Senado iniciou o processo que pode resultar na perda de mandato da senadora Juíza Selma (Podemos-MT). O Tribunal Superior Eleitoral já determinou a cassação, mas a parlamentar pediu que a perda definitiva do mandato só ocorra após esgotados todos os recursos judiciais. O senador Eduardo Gomes (MDB-TO) será o relator do processo. Mais informações com o repórter Rodrigo Resende, da Rádio Senado.

PETIÇÃO: https://www25.senado.leg.br/web/atividade/materias/-/materia/140508

TÓPICOS:
Amapá  Comissão Diretora do Senado  Constituição  Davi Alcolumbre  Justiça  Mato Grosso  MDB  Podemos  Rio Grande do Sul  Senador Davi Alcolumbre  Senador Eduardo Gomes  Senador Lasier Martins  Supremo Tribunal Federal  Tocantins  Tribunal Superior Eleitoral  TSE 

Senado Federal - Praça dos Três Poderes - Brasília DF - CEP 70165-900 | Telefone: 0800 61 22 11
Ao vivo