Assuntos Sociais

CAS aprova avaliação de política para pessoa com deficiência

01:52CAS aprova avaliação de política para pessoa com deficiência

Transcrição LOC: COMISSÃO DE ASUNTOS SOCIAIS APROVA AVALIAÇÃO DE POLÍTICA PARA PESSOA COM DEFICIÊNCIA LOC: DOCUMENTO TAMBÉM ABORDA COLETA DE DADOS NO CENSO 2020 SOBRE PESSOAS COM ESPECTRO AUTISTA, QUESTÕES ORÇAMENTÁRIAS E DADOS DO PODER EXECUTIVO. AS INFORMAÇÕES COM O REPÓRTER PEDRO PINCER: (Repórter) A Comissão de Assuntos Sociais aprovou a avaliação da política pública de reconhecimento das pessoas com deficiência para acesso a direitos previstos na Lei Brasileira de Inclusão. A senadora Soraya Thronicke, do PSL de Mato Grosso do Sul, foi a relatora. (Soraya Thronicke) “Solicitamos ao executivo que apresente, o quanto antes a criação do grupo de trabalho que ficará responsável pela elaboração e definição de instrumento que possibilite a avaliação da deficiência de forma biopsicossocial, construída de forma coletiva, e realizada por equipe multiprofissional e interdisciplinar (Repórter) A avaliação debate as políticas públicas voltadas para pessoas com deficiência, além da coleta de dados no Censo 2020 sobre pessoas com espectro autista, questões orçamentárias e dados do Poder Executivo. O relatório aprovado sugere ao Executivo a criação de um grupo de trabalho para a definição de instrumento que permita a avaliação médica, psicológica e social (avaliação biopsicossocial) da pessoa com deficiência. A comissão fará audiências com representantes do governo e da sociedade civil para acompanhar o trabalho.O presidente da CAS, senador Romário, do Podemos do Rio de Janeiro, disse que, além de fazer novas leis voltadas às pessoas com deficiência, é preciso fazer cumprir as que já existem (Romário) A gente vai continuar essa luta. Eu tenho certeza de que aos poucos a gente vai conseguindo coisas positivas, que leis que existem passem a ser realmente praticadas, porque é o que a gente mais quer e o que a gente mais espera. (Repórter) Já o senador Rogério Carvalho, do PT de Sergipe, que aos 10 anos de idade foi diagnosticado com visão monocular, sugeriu a ampliação dos debates sobre deficiência para incluir, por exemplo, as pessoas com visão em um só olho.

A Comissão de Assuntos Sociais  aprovou a avaliação da política pública de reconhecimento das pessoas com deficiência para acesso a direitos previstos na Lei Brasileira de Inclusão). A senadora Soraya Thronicke (PSL/MS) foi a relatora. A avaliação debate as políticas públicas voltadas para pessoas com deficiência, além da coleta de dados no Censo 2020 sobre pessoas com espectro autista, questões orçamentárias e dados do Poder Executivo.

O relatório aprovado sugere ao Executivo a criação de um grupo de trabalho para a definição de instrumento que permita a avaliação médica, psicológica e social (avaliação biopsicossocial) da pessoa com deficiência. A comissão fará audiências com representantes do governo e da sociedade civil para acompanhar o trabalho. Mais informações com o repórter Pedro Pincer, da Rádio Senado.

TÓPICOS:
CAS  Comissão de Assuntos Sociais  Mato Grosso  Mato Grosso do Sul  Pessoas com Deficiência  Podemos  Poder Executivo  Política  PSL  PT  Rio de Janeiro  Senador Rogério Carvalho  Senador Romário  Senadora Soraya Thronicke  Sergipe  Sociedade Civil  Trabalho 

Senado Federal - Praça dos Três Poderes - Brasília DF - CEP 70165-900 | Telefone: 0800 61 22 11
Ao vivo