Alessandro Vieira pede convocação de Pazuello para explicar falta de insumos contra covid-19 — Rádio Senado
Coronavírus

Alessandro Vieira pede convocação de Pazuello para explicar falta de insumos contra covid-19

O senador Alessandro Vieira (Cidadania-SE) pediu a convocação do ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, para dar explicações sobre a paralisação no combate à pandemia. Eduardo Pazuello deve falar sobre a falta de insumos básicos como oxigênio, que provocou o colapso da saúde em Manaus, e seringas para a campanha de vacinação. Outra questão que deve ser abordada é a recusa do governo em adiar as provas do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). A reportagem é de Roberto Fragoso, da Rádio Senado.

15/01/2021, 18h10 - ATUALIZADO EM 15/01/2021, 18h10
Duração de áudio: 01:28
Foto: Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil

Transcrição
LOC: O SENADOR ALESSANDRO VIEIRA PEDIU A CONVOCAÇÃO DO MINISTRO DA SAÚDE PARA DAR EXPLICAÇÕES SOBRE A PARALISAÇÃO NO COMBATE À PANDEMIA. LOC: PAZUELLO DEVE FALAR SOBRE A FALTA DE INSUMOS BÁSICOS COMO OXIGÊNIO, QUE PROVOCOU O COLAPSO DA SAÚDE EM MANAUS, E SOBRE A RECUSA EM ADIAR O ENEM. REPÓRTER ROBERTO FRAGOSO. (Repórter) O senador Alessandro Vieira, do Cidadania de Sergipe, considera que a trágica situação de Manaus, onde pessoas morrem por falta de tanques de oxigênio, reflete a ausência de planejamento para um enfrentamento efetivo ao coronavírus. Além de oxigênio, faltam outros insumos básicos como seringas para aplicação da vacina. Esse quadro é agravado, lembra o senador, pois enquanto outros países já iniciaram suas campanhas de imunização, o ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, ainda defende o uso do kit cloroquina, em vez de abordar a questão da deficiência de estrutura ou dar direções claras sobre a vacinação no Brasil. Vieira critica ainda a recusa do governo federal em discutir o adiamento das provas do Exame Nacional do Ensino Médio, o Enem. E por isso quer que o ministro venha ao Senado dar explicações sobre a paralisação no combate à pandemia. (Alessandro Vieira) É urgente convocar o ministro Pazuello, da Saúde, para que ele preste esclarecimentos não só com relação a situação trágica de Manaus, mas a falta absoluta de critérios, de previsão concreta do processo de vacinação, de entrega de insumos para que estados e municípios possam defender a saúde dos seus cidadãos. É um problema sério que vem sendo empurrado com a barriga e que precisa ser esclarecido. E só o Congresso Nacional tem autoridade para fazer uma convocação desse tipo. (Repórter) Alessandro Vieira já havia apresentado um pedido para a convocação extraordinária do Congresso Nacional, para que as duas Casas antecipem o fim do recesso e discutam a prorrogação do auxílio emergencial e do estado de calamidade pública, o que permitiria ao governo manter os gastos de combate à pandemia nos mesmos patamares de 2020.

Ao vivo
00:0000:00