Zenaide pede informação a Pazuello sobre vacinação das pessoas com deficiência — Rádio Senado
Pandemia

Zenaide pede informação a Pazuello sobre vacinação das pessoas com deficiência

A senadora Zenaide Maia pediu esclarecimentos ao ministro da saúde, Eduardo Pazuello, sobre o plano nacional de vacinação contra a covid-19. A senadora quer saber se as pessoas com deficiência terão prioridade no processo de imunização. Reportagem de Iara Farias Borges, da Rádio Senado.

17/12/2020, 13h36 - ATUALIZADO EM 18/12/2020, 09h28
Duração de áudio: 01:55
Foto: Foto: Tony Winston/MS

Transcrição
LOC: A SENADORA ZENAIDE MAIA PEDIU ESCLARECIMENTOS AO MINISTRO DA SAÚDE SOBRE O PLANO NACIONAL DE VACINAÇÃO CONTRA A COVID-19. LOC: ELA QUER SABER SE AS PESSOAS COM DEFICIÊNCIA TERÃO PRIORIDADE NO PROCESSO DE IMUNIZAÇÃO. REPORTAGEM DE IARA FARIAS BORGES TÉC: Segundo a senadora Zenaide Maia, do Pros do Rio Grande do Norte, o Plano Nacional de Vacinação contra a covid-19 não deixa claro se as pessoas com deficiência e com doenças raras estão no grupo prioritário de imunização. Por isso, ela pediu ao ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, que detalhe as ações voltadas para essa parcela da população. (Zenaide Maia): “Porque, em todas as notícias do governo federal, não aparecem as pessoas com deficiência nem com doenças raras como prioritárias nessa vacinação. Eu queria lembrar aqui que as pessoas com deficiência têm um índice de comorbidade bem superior ao da população em geral”. (Rep): O senador Romário, do Podemos do Rio de Janeiro, apelou ao governo pela inclusão das pessoas com deficiência e com doenças raras no grupo prioritário de imunização. (Romário): “Eu queria apenas corroborar aqui as palavras da Senadora Zenaide em relação às pessoas com deficiência e doenças raras e pedir ao nosso Governo Federal, principalmente ao Ministério da Saúde, que dê realmente uma atenção especial e prioridade para essas pessoas quando começarem as vacinas. Essas pessoas realmente têm que ser tratadas de forma prioritária. Por isso, aqui eu faço esse apelo, juntamente com a senadora Zenaide, para que o nosso governo federal seja sensível em relação a isso”. (Rep): Por ser preliminar, o Plano Nacional de Vacinação contra a covid-19 pode ser alterado. Segundo o documento, a Fase 1 prevê a vacinação dos profissionais da Saúde; de pessoas com mais de 80 anos, seguidas dos idosos na faixa etária de 75 a 79 anos e dos indígenas maiores de 18 anos. Na Fase 2, será imunizado o público com idades entre 64 e 74 anos. Da Rádio Senado, Iara Farias Borges.

Ao vivo
00:0000:00